(11) 3832-6401 | Whatsapp: (11) 9 7480-8270 | contato@bsresidencial.com.br

Saiba o que é de fato o câncer de próstata, quais são os sintomas, fatores de risco e muito mais sobre esse mal que afeta centenas de milhares de homens todos os anos

O câncer de próstata é o câncer que ocorre na próstata – uma pequena glândula em forma de noz em homens que produz o fluido seminal que nutre e transporta o esperma.

O câncer de próstata é um dos tipos mais comuns de câncer em homens. Normalmente, o câncer de próstata cresce lentamente e é inicialmente confinado à próstata, onde não pode causar sérios danos. No entanto, enquanto alguns tipos de câncer de próstata crescem lentamente e podem precisar de tratamento mínimo ou mesmo nenhum tratamento, outros tipos são agressivos e podem se espalhar rapidamente.

O câncer de próstata detectado precocemente – quando ainda está confinado à próstata – tem uma chance maior de sucesso no tratamento.

SINTOMAS

O câncer de próstata pode não causar sinais ou sintomas em seus estágios iniciais, porém quando mais avançado apresenta sintomas claros indicando que algo não está bem como:

  • Dificuldade para urinar
  • Diminuição da força no fluxo de urina
  • Sangue no sêmen
  • Desconforto na região pélvica
  • Dor nos ossos
  • Disfunção erétil

QUANDO VER UM MÉDICO?

Marque uma consulta com seu médico se tiver algum sinal ou sintoma que o preocupe.

Continua o debate sobre os riscos e benefícios do rastreio do cancro da próstata e as organizações médicas divergem nas suas recomendações. Por esse motivo discuta o rastreio do cancro da próstata com o seu médico. Junto com ele você pode decidir o que é melhor para você.

CAUSAS

Não está claro o que causa o câncer de próstata.

Os médicos sabem que o câncer de próstata começa quando algumas células da próstata se tornam anormais. Mutações no DNA das células anormais fazem as células crescerem e se dividirem mais rapidamente do que as células normais. As células anormais continuam a viver, quando outras células morreriam. As células anormais acumuladas formam um tumor que pode crescer para invadir o tecido adjacente. Algumas células anormais também podem se desprender e se espalhar (metastatizar) para outras partes do corpo.

FATORES DE RISCO

Fatores que podem aumentar o risco de câncer de próstata incluem:

Idade. Seu risco de câncer de próstata aumenta com a idade.

Corrida. Por razões ainda não determinadas, os homens negros têm um risco maior de câncer de próstata do que os homens de outras raças. Nos homens negros, o câncer de próstata também é mais propenso a ser agressivo ou avançado.

História de família. Se os homens da sua família tiverem câncer de próstata, seu risco poderá aumentar. Além disso, se você tem uma história familiar de genes que aumentam o risco de câncer de mama (BRCA1 ou BRCA2) ou uma história familiar muito forte de câncer de mama, seu risco de câncer de próstata pode ser maior.

Obesidade. Homens obesos diagnosticados com câncer de próstata podem ser mais propensos a ter doença avançada que é mais difícil de tratar.

COMPLICAÇÕES

Câncer que se espalha (metastatiza). O câncer de próstata pode se espalhar para órgãos próximos, como a bexiga, ou viajar pela corrente sangüínea ou pelo sistema linfático até os ossos ou outros órgãos. O câncer de próstata que se espalha para os ossos pode causar dor e ossos quebrados. Uma vez que o câncer de próstata se espalhou para outras áreas do corpo, ele ainda pode responder ao tratamento e pode ser controlado, mas é improvável que seja curado.

Incontinência. O câncer de próstata e seu tratamento podem causar incontinência urinária. O tratamento para a incontinência depende do tipo, da gravidade e da probabilidade de melhora ao longo do tempo. As opções de tratamento podem incluir medicamentos, cateteres e cirurgia.

Disfunção erétil. A disfunção erétil pode resultar do câncer de próstata ou de seu tratamento, incluindo cirurgia, radiação ou tratamentos hormonais. Medicamentos, dispositivos de vácuo que auxiliam na obtenção de ereção e cirurgia estão disponíveis para tratar a disfunção erétil.