(11) 3832-6401 | Whatsapp: (11) 9 7480-8270 | contato@bsresidencial.com.br

O que a comida que você come tem a ver com o funcionamento do seu cérebro? Muita coisa. Embora sempre soubéssemos que o que comemos afeta nosso corpo e nossa aparência, os cientistas também estão aprendendo cada vez mais que o que comemos prejudica nossos cérebros. Sim, os alimentos do cérebro são importantes (especialmente para a nossa massa cinzenta).

Além disso, os alimentos do cérebro ricos em antioxidantes, gorduras boas, vitaminas e minerais fornecem energia e ajuda na proteção contra doenças cerebrais. Então, quando nos concentramos em dar ao nosso corpo alimentos integrais e nutritivos, beneficiando tanto o intestino quanto o cérebro, estamos realmente beneficiando nossas mentes e corpos, mantendo os dois em forma.

Claro, alguns alimentos são melhores para o cérebro do que outros. Nos da Casa de Repouso de São Paulo Brilho do Sol reunimos alguns alimentos cerebrais que você deve comer para alimentar sua mente e corpo. Com uma mistura de frutas, legumes, óleos e até mesmo chocolate (sim, chocolate!), Há algo para agradar a todos!

1 – ABACATE

Esta fruta é uma das mais saudáveis ​​que você pode consumir. Embora os abacates muitas vezes recebam uma má reputação devido ao seu alto teor de gordura, é importante notar que essas usinas verdes estão repletas de gorduras monoinsaturadas ou do tipo “bom”, mantendo os níveis de açúcar no sangue estáveis ​​e sua pele brilhando.

Contendo vitamina K e folato , o abacate ajuda a prevenir coágulos sanguíneos no cérebro (protegendo contra o derrame) e também a melhorar a função cognitiva, especialmente tanto a memória quanto a concentração.

2 – BETERRABA

Pode ser a sua forma engraçada ou memórias de más receitas consumidas durante a infância, mas a beterraba parece ser uma comida intimidadora para muitas pessoas, até para os amantes de vegetais. Isso é uma pena, porque esses vegetais de raiz são algumas das plantas mais nutritivas que você pode comer.

Eles reduzem a inflamação , são ricos em antioxidantes que protegem o câncer e ajudam a livrar o sangue de toxinas. Os nitratos naturais na beterraba realmente impulsionam o fluxo sanguíneo para o cérebro, ajudando no desempenho mental. Além disso, durante os treinos intensos, as beterrabas realmente ajudam a aumentar os níveis de energia e desempenho. Eu os amo torrados ou em saladas.

3 – CALDO DE OSSOS (MOCOTÓ)

O caldo de osso é o melhor alimento para curar seu intestino e, por sua vez, curar seu cérebro. Esta comida antiga está repleta de benefícios para a saúde, desde estimular o sistema imunológico, superar o intestino permeável, melhorar a saúde das articulações e superar as alergias alimentares.

Seus altos níveis de colágeno ajudam a reduzir a inflamação intestinal, e a cura de aminoácidos como prolina e glicina mantém seu sistema imunológico funcionando adequadamente e ajuda a melhorar a memória.

4 – BRÓCOLIS

É um dos melhores alimentos para o cérebro por aí. Graças a seus altos níveis de vitamina K e colina, ajudará a manter sua memória afiada.

Ele também é carregado com vitamina C – na verdade, apenas um copo fornece 150 por cento de sua ingestão diária recomendada. Seus altos níveis de fibra significam que você se sentirá cheio rapidamente também.

5 – ÓLEO DE COCO

Um dos alimentos mais versáteis, não há quase nada em que o óleo de coco não possa ajudar.

E quando se trata de seu cérebro, também está cheio de benefícios. O óleo de coco funciona como um anti-inflamatório natural, suprimindo as células responsáveis ​​pela inflamação. Ela pode ajudar na perda de memória à medida que você envelhece e destrói as bactérias ruins que ficam no seu intestino.

6.CHOCOLATE PRETO

Nem todo chocolate é criado igual; Na verdade, chocolate preto pode realmente ser bom para você! O chocolate é repleto de flavonoide, que possuem propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias. Eles também podem ajudar a baixar a pressão arterial e melhorar o fluxo sanguíneo para o cérebro e para o coração.

Mas não fique o dia inteiro comendo chocolates. A maior parte do chocolate que você vê nas prateleiras dos supermercados é altamente processada com poucos benefícios. A regra geral é quanto mais escuro o chocolate, mais benefícios para a saúde.